Um prato tipicamente mineiro

Artigos Recentes

Por Taiane Oliveira

O feijão tropeiro é um prato conhecido em todo o Brasil. O berço de sua origem remete ao período do tropeirismo, no qual homens, conhecidos como tropeiros, passavam longas jornadas na estrada para guiar animais. Devido às particularidades de seu trabalho, precisavam carregar alimentos que fossem de fácil manuseio e que não perdessem com facilidade, como farinha, carne-seca, toucinho, feijão, sal.

Foi a partir dessa mistura que nasceu o que hoje conhecemos por “feijão tropeiro”. O que antes seria uma forma alternativa de garantir que os tropeiros pudessem fazer uma refeição que atendesse às necessidades da vida na estrada, hoje se tornou um prato conhecido, principalmente, na culinária mineira.

Com o passar dos anos, o modo como se preparava o feijão tropeiro foi se tornando conhecido para além das estradas, sendo a ele incorporados outros ingredientes, como couve, linguiça, bacon, ovos e outros. Assim, este prato se tornou um dos principais integrantes da cozinha mineira, fazendo sucesso também em outros estados.

Sozinho ou acompanhado, o feijão tropeiro será sem dúvida o centro das atenções ao ser servido. Sua diversidade de ingredientes, cores e aroma conferem a este prato, além de uma apresentação chamativa, um sabor inigualável, responsável por conquistar cada vez mais adeptos ao seu consumo.

Por se tratar de uma receita cujo preparo pode variar de família para família, muitas serão as maneiras de como ele poderá ser feito. É por isso que trago para vocês a forma como aprendi com minha mãe de preparar este amado prato da minha cultura. Bom apetite!

Assista abaixo como se prepara o tradicional feijão tropeiro mineiro.

Ingredientes

1 kg de feijão cozido (ao dente), mais ou menos 20 a 25 minutos, na panela de pressão;

1/2 kg de bacon picado;

3 calabresas cortadas em cubos;

± 1 kg de toucinho picado;

6 ovos;

sal a gosto;

farinha de mandioca;

salsinha, cebolinha, a gosto;

1 cebola de cabeça;

1 cubo de caldo de carne;

corante (colorau);

couve picadinha (a gosto);

Modo de preparo

Coloque o feijão cozido no escorredor de macarrão e lave-o. Despeje numa vasilha e tempere com sal (a gosto). Depois coloque a farinha aos poucos, mas o feijão deve ficar soltinho. Reserve;

Frite o bacon, as calabresas e o toucinho (todos separadamente). Reserve;

Cozinhe os ovos, descasque-os e reserve;

Derreta o caldo de carne em água fervente e reserve;

Corte a cebolinha e a salsinha, e reserve. Corte também a cebola de cabeça;

Coloque numa panela, com azeite ou óleo: a cebola de cabeça picada, colorau, tempero (a gosto) e o caldo de carne. Deixe ferver um pouco. Coloque em seguida o feijão e misture;

Logo depois coloque o bacon, a calabresa, o torresmo, a salsinha, a cebolinha, os ovos picados e misture tudo. Por último, coloque a couve. Deixe no fogo até que tudo esquente.

Taiane Aparecida de Oliveira é natural de Corinto, Minas Gerais, e noviça paulina. Formada em Enfermagem, ama ler, cozinhar, além de estar sempre em busca de aprender coisas novas. Como todo bom mineiro, aprecia um “pãozim” de queijo com “cafezim” bem “quentim”! Em seu tempo livre gosta de ler e se atualizar sobre diversos assuntos.

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

error: Ação desabilitada