Ballotine de frango: prato típico francês versátil e prático

Artigos Recentes

As preparações realizadas com frango são, geralmente, muito versáteis e práticas. Esta versão de frango recheado é uma alternativa para ser feita quando se tem convidados em casa e o objetivo é impressionar a todos com uma receita bem elaborada e maravilhosa

Por Eduardo Puel Sansão

Fotos e vídeo: Tainara Siqueira Sansão

A receita deste mês é um prato típico francês, preparado a partir da carne desossada de aves, recheado como se fosse um rocambole, posteriormente cozido e selado na frigideira. Pode ser servido acompanhado de algum molho, junto com alguma batata, legume ou até mesmo arroz. Nosso frango desossado e recheado é conhecido como ballotine.

As preparações realizadas com frango são, geralmente, muito versáteis e práticas. Esta versão de frango recheado é uma alternativa para ser feita quando se tem convidados em casa e o objetivo é impressionar a todos com uma receita bem elaborada e maravilhosa, pois, além de atrair atenção com o aspecto final do prato, o fato de ser desossado facilita muito na hora de servir.

Os cortes de frango mais utilizados para fazer o ballotine são o peito ou até mesmo a sobrecoxa desossada. Aos que preferem um corte mais magro, com pouca gordura, é recomendado um filé de peito, que também é possível abrir ao meio e rechear. Mas é comum esta receita ser feita com a sobrecoxa por possuir um bom equilíbrio de carne e gordura, agregando sabor ao final do prato. Vale ressaltar que o excesso de gordura pode ser retirado com a faca, momentos antes de rechear.

O recheio para este prato típico francês pode ser de acordo com a preferência individual, mas normalmente é feito com a própria carne da ave moída ou com linguiça de frango, combinada com outros ingredientes.

Para esta receita, foi escolhido o recheio com a linguiça de frango, junto com ricota esfarelada, creme de leite e salsinha picada. Mas outros recheios que trazem leveza ao prato podem ser feitos à base de queijo branco e espinafre ou até mesmo de tomate seco, com queijo e castanhas. 

Assista o vídeo e conheça o passo a passo para fazer o ballotine de frango.

Ingredientes do ballotine

  • 1 sobrecoxa com pele (sem osso)
  • Sal a gosto
  • Pimenta do reino moída a gosto
  • 80 g de ricota ou outro queijo de sua preferência
  • 1 linguiça de frango sem pele
  • 20 ml de creme de leite
  • ½ salsinha picada
  • 20 g de castanha de caju (opcional)
  • 2 g de orégano (opcional)
  • Plástico filme
  • Papel alumínio

Ingredientes do molho

  • 50 ml de vinho branco ou outra bebida alcoólica (para dar acidez)
  • 50 ml de mostarda dijon ou amarela (de qualidade)
  • ½ salsinha picada
  • 200 ml de creme de leite
  • Sal a gosto

Modo de preparo do ballotine

Disponha o frango em uma tábua de corte e tempere com sal e pimenta dos dois lados. Com o auxílio de uma faca, abra as partes do frango que estiverem mais grossas, procurando deixar o mais uniforme possível. 

Para o recheio, misture todos os ingredientes, e não há necessidade de cozinhar a linguiça de frango antes. Para começar a rechear, vire a pele para baixo e coloque um pouco do recheio no início da sobrecoxa; vá enrolando como se fosse um rocambole para que fique em um formato cilíndrico.

O próximo passo é colocar para cozinhar na água fervente. É importante fechar bem nosso ballotine para evitar que a água do cozimento entre e o recheio saia. Para que não entre água, envolva o ballotine em duas folhas de papel alumínio, enrole as pontas, de forma que fique bem vedado, e, em seguida, passe duas vezes pelo plástico filme.

Coloque em uma panela com água fervente e deixe cozinhar por aproximadamente 25 minutos. Desligue e aguarde esfriar um pouco para desembalar o ballotine.

Numa frigideira antiaderente com 1 colher de sopa rasa de manteiga, coloque o ballotine e vá virando, com a ajuda de um pegador, até dourar todos os lados. Para servir, corte os ballotines em fatias de aproximadamente 1 centímetro ou faça um corte na vertical, para que ele fique mais alto no prato. Sirva com o molho e um acompanhamento de sua preferência.

Modo de preparo do molho

Na mesma frigideira utilizada para selar o ballotine, sem a necessidade de lavar, baixe a temperatura e acrescente o vinho branco. Assim que ferver levemente, coloque os demais ingredientes e acerte o sal a gosto.

Eduardo Puel Sansão é gastrônomo graduado e nutricionista e um apaixonado por transmitir conhecimento com foco em comportamento alimentar e estilo de vida. Instagram: @eduardosansao.nutri

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

error: Ação desabilitada