Já sou assinante!

Ainda não é assinante?

Identifique-se para ganhar mais 2 artigos por semana!

ou

ou Assine Já

O poder da alegria! - Revista Familia Cristã - Comportamento

O poder da alegria!

Artigos Recentes

Quando rimos, podemos enxergar saídas e resolução de problemas

Por Maria Luiza e João Carlos

A alegria é um poderoso remédio natural para o seu corpo, para a sua alma, para a convivência social e, mais ainda, para a vida familiar. Ela pode ser expressa através da linguagem verbal e não verbal, como, por exemplo, um sorriso, um olhar, uma palavra, um caso, uma gargalhada, uma música, uma brincadeira, entre outras atitudes que visam ao bom humor. A alegria melhora nossos pensamentos, memórias, sentimentos, comportamentos e reações físicas.

A alegria tem poder sobre o corpo! Você sabia que o seu corpo reage à expressão de alegria? O bom humor influencia não somente sua saúde como também a dos que convivem com você. Isso porque atitudes mais alegres contagiam aqueles que estão ao nosso lado, desencadeando atitudes mais felizes para eles.

Vamos começar com a química do cérebro!

Gestos felizes ativam estruturas e substâncias no cérebro contrárias ao estresse, e, como resposta, o cérebro libera dopamina, endorfinas e serotonina, neurotransmissores associados à redução da ansiedade e ao aumento da sensação de felicidade. Portanto, o corpo agradece a alegria e rejeita o mau humor.

Atitudes alegres podem melhorar o funcionamento cardíaco e respiratório, como também ativar uma melhor performance de todo o corpo. Pesquisas mostram que pessoas que expressam mais alegria são mais atrativas, se envolvem mais em amizades e, para aqueles que se sentem chamados ao matrimônio, atraem mais pretendentes.

E o poder da alegria na convivência?

Helena Lopes – Pexels

No âmbito da convivência, a alegria diminui conflitos e cobranças de atitudes rígidas no relacionamento. A alegria nos aproxima! Ela é uma grande aliada em todos os ambientes, seja no trabalho, na igreja e, em especial, no casamento.

Casais que vivem o bom humor em seu dia a dia facilitam a comunicação, promovem maior encontro, diminuem grosserias, favorecem a amizade, a parceria e criam um ambiente agradável para a educação dos filhos. Atitudes alegres trazem a sensação de leveza e de felicidade dentro de casa. Até mesmo o ato conjugal melhora quando os cônjuges se empenham em manter o bom humor; portanto, cultive atitudes alegres um com o outro.

A tristeza traz fixação ao problema e não a solução. A alegria permite enxergar nossas dificuldades e problemas de uma forma que pareçam menores e menos poderosos. A falta de paciência, a não aceitação do que não podemos mudar podem gerar uma série de reclamações, o que traz insatisfação com a nossa vida. Por isso a importância do bom humor, uma vez que a alegria é esse poder natural que nos faz enxergar a nossa vida na perspectiva mais otimista e não fatalista.

Você pode treinar a alegria e obter esse poder para a sua vida! Mais legal ainda é desenvolver essa habilidade. No início parecerá forçado e, às vezes, impossível, mas você perceberá que, com empenho, alcançará estes gestos diários de alegria.

  1. Busque a flexibilização; você não está sempre certo. A intolerância não ajuda.
  2. Tente sempre enxergar o melhor em cada situação. Pense melhor sobre os outros e a seu respeito.
  3. Procure ajuda profissional se você está vivendo um quadro depressivo que altera a tendência ao bom humor.
  4. Peça ao Espírito Santo que o ajude neste desafio; o Espírito Santo é criativo.

A alegria é tão poderosa que ela cria um espaço para o qual sempre queremos voltar; por isso, comece hoje mesmo este treinamento, pois ele fará você e todos que estão ao seu lado mais felizes e agradecidos da sua presença. Estamos em tempos em que encontrar alegria é um desafio, mas é possível, sim, reforçar, resgatar e vivê-la plenamente.

João Carlos Medeiros é casado com Maria Luíza da Silva Medeiros, diácono permanente e pai de 3 filhos. Psicólogo clínico, escritor, teólogo, terapeuta familiar e de casal, logoterapeuta, sexólogo e mestre em Sexologia Humana. Ministra com sua esposa palestras por todo o Brasil e no exterior, direcionadas ao relacionamento familiar. Trabalha também com formação humana para padres, religiosos e seminaristas.

Maria Luiza da Silva Medeiros é psicóloga clínica há 18 anos, terapeuta familiar e de casal, neuropsicóloga, especialista em Terapias Cognitivas e escritora.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

error: Ação desabilitada